Saturday, April 12, 2008

Há quem sofra mais que tu............

Recordem vocês caros amigalhaços (leitores, web surfers), naqueles dias em que até pensamos em ir apanhar umas ondas, mas ao olharmos pela janela de casa, WebCam outro outro meio. E está daqueles dias tempestuosos, com chuva a cair a cântaros, vento norte que geralmente é bastante frio e nos tira toda a pica de ir surfar ( e pensamos no sortudo do Botas que está na Austrália, e surfa sempre com água quente todo o ano) mas enfim.... . E colocamos logo de parte qualquer remota hipótese de ir meter o cú dentro de água num dia destes. Onde a água geralmente ronda os 15 A 18 graus, pois é melhor ficar em casa a ver televisão com a manta de lã.
Agora imaginem estes amigos no Alaska e nas condições adversas em que eles surfam com temperatura negativa neve por todo o lado.................. por vezes achamos que estamos mal, onde na realidade somos dos países da Europa com mais sol, temperatura ambiente relativamente amena.
Vejam as imagens e tirem as vossas conclusões.
Agora já sabem.........quando tiver a nevar, vento, frio ou outra qualquer condição adversa...........todos a pegar na prancha e fato, e todos para a água.
Fotos retiradas do site http://www.scottdickerson.com/
J.Alentejano

8 comments:

choco said...

pois é..mas esses macacos enchem a peida todos sos dias e alem disso nao ha crowd nenhum..nepia nem tubaroes botas!!hihihihi!!!

J.Alentejano said...

Pois é tens razão xoco, com o friozinho quem apeteçe ir surfar. Mas aí nas canárias agua temperada, bem gostosa, surfar de calção ou short. ...uuummmm por cá não temos essa sorte. Só no verão com a levantada a bombar na Ilha.

Boas ondas

j.A.

Mike said...

Surfar com a água quentinha, 1 metrinho de levante glass, de calçanito(ou tanga...), sem crowd, chapéu-de-sol à beira de água com a patroa a tirar fotos e a geleira recheada é do melhor que a vida nos pode oferecer... Mas quando há crowd, stress dentro de água, quando os mujes radioactivos andam a morder os calcanhares a um gajo... Quem já não considerou ir surfar prà Noruega(por exemplo...), o mesmo 1m perfeito, com um amigo ou dois numa de "olha vai tu que eu vou na próxima", dentro de um fato que mal deixa um gajo remar, água gelada onde um gajo nem mijar consegue, uma cabana confortável, o fumo a sair da chaminé...e uma nórdica de olhos azuis à nossa espera com uma caneca de chocolate bem quente?

PS1: A nórdica era a cozinheira, claro...

Beijinhos e Abraços

mike

Graça said...

Ola Botas
Só para dar um alo e um beijo
Graça

etienne neto said...

Tou contigo Mike.
Marca lá a Surf-Trip nos Países Nórdicos e espero que a COZINHEIRA e a possivel AJUDANTE DE COZINHA sejam boas a em qualquer PRATO.
Pois quando sair da agua devo de ter mirrado muitos centimetros lololololololol, e vou precisar de algo quentinho. Chocolate tambem é uma boa ideia ah ah ah ah ah !
ATE JA Etienne

luna said...

beijinhos botas! um bocadinho ausente de comentarios, mas sempre a visitar o teu spot. felizmente é por estar com mais trabalho.. e deixa k te diga mas, sinceramente, a tua singela reportagem dos manos em bali tá muito melhor k na revista.. se kiseres envio-ta. manda morada. lol. sabes ka mãe deles e a avó alice são clientes assiduos lá no restaurante, ele conhece-as/-os very well. fika bem, espero k esse knee n te dê mtas dores... :)

Anonymous said...

Devo esclarecer que o meu comentário não tem qualquer intenção sexista, a ideia não foi fazer a troglodita e desadequada associação mulher-cozinha. (Até porque sou eu que cozinho na maior parte das vezes cá em casa...) Foi mais para justificar porque imaginaria eu uma nórdica na minha cabana :). Aliás, o mesmo comment pode ser reescrito no feminino, substituindo a nórdica pelo nórdico.
Etienne, vamos a isso, pelos prazeres do mar do norte e pela caneca de chocolate, claro.
Tou c a luna, a parte escrita da reportagem do johnny boots é a mais interessante. Só as fotos da SP são realmente, as FOTOS. A do Jakin, que abre a reportagem...ui.

abraços

mike

Botas said...

Ola pessoal!

Desculpem pela minha ausencia momentanea aqui do blog, mas tenho andado perdido 'a procura do Nemo na Grande Barreira de Coral. Ainda nao o encontrei ,mas ainda tenho mais 2 dias. A serio, se algum dia tiverem a oportunidade nao deixem de vir ver uma das Maravilhas deste Mundo. Tenho andado a mergulhar estes ultimos dias e tenho-me passado com o que tenho visto... Felizmente nada de tubaroes...
Quando voltar 'a "civilizacao" segue-se a reportagem!

Beijinhos e abracos!